Ortodontista | New Evolution

Disjunção palatina x Aparelho autoligado: qual é a diferença?

A disjunção palatina, usada para solucionar problemas de palato estreito ou prognatismo, causa insegurança em muitos pacientes. Como o aparelho disjuntor é fixado na boca e precisa ser ajustado através da chave diariamente até que ocorra a expansão da maxila, o medo da dor e de dar algo errado durante o tratamento é grande. Por isso, é muito comum haver dúvidas se o aparelho autoligado não seria o suficiente para realizar o trabalho necessário.

Aprenda agora qual é a diferente da disjunção palatina, em comparação ao aparelho autoligado, e entenda as possibilidades de tratamento.

O que é a disjunção palatina?

A disjunção palatina é o aparelho usado por quem tem problemas no palato ou prognatismo. O paciente deve fazer os ajustes até que os incisivos apresentem diastema central. Isso aponta que o palato está no ponto certo. O próximo passo, então, é deixar a ruptura calcificar.

Disjunção palatina: quais são os sintomas de problemas no palato?

» Fortes dores de cabeça

» Tonturas

» Dificuldade na mastigação

» Problemas respiratórios e dificuldade na mastigação

Disjunção palatina: quais são os sintomas do prognatismo?

» Queixo projetado para frente

» Dificuldade para falar

» Dificuldade para mastigar

Disjunção palatina x aparelho autoligado: qual é a diferença?

A disjunção palatina tem o objetivo de expandir a arcada superior. É fixado nos dentes superiores e se acomoda no palato.  É um tratamento seguro e de eficácia comprovada, porém pode ser doloroso e exige comprometimento do paciente, já que este terá que realizar os ajustes diários. O resultado é obtido através da ruptura palatina. No fim, ainda é preciso complementar o tratamento com um aparelho fixo.

Por outro lado, os aparelhos autoligados, além de serem mais confortáveis, ainda podem ser mais vantajosos, pois permitem também expansão na arcada e não precisam ser usados dois aparelhos.

Conheça as vantagens do aparelho autoligado

√ Conforto: a ausência das ligaduras diminui o atrito entre o braquete e o fio. Dessa maneira, não será preciso aplicar muita força para a movimentação dentária. O paciente não sentirá dificuldade para comer e nem terá aquela sensação de “dente mole” após a manutenção.

√  Tempo de Tratamento: o tempo de tratamento também é um vantagem. Como o fio é termoativado, o tratamento é 40% mais rápido e diminui em 60% o número de consultas.

√ Mais higiênico: o aparelho autoligado permite com que o paciente escove os dentes sem dificuldades. Com isso, a chance do surgimento de cáries, cálculos dentários e mau hálito diminui.

Entenda  por que você deve aplicar o aparelho autoligado no seu consultório.

Conheça o aparelho autoligado New One

Com o New Evolution, criado pela New One, permite com que você atenda muito mais pacientes em um tempo menor. Além disso, ao trabalhar com um produto de extrema qualidade, a satisfação é garantida. O tratamento será concluído sem reclamações e, na certa, receberá muitas indicações.

Por ser um produto brasileiro, o custo do New Evolution também é bem menor em comparação à concorrência. Portanto, além de trabalhar com um ótimo produto, com durabilidade excelente, você terá menos gastos com os materiais.

O suporte também é muito completo. A New One oferece toda a estrutura para treinamento, incluindo cursos, palestras, livros, e-mails e telefone para esclarecimento de dúvidas.

LEIA TAMBÉM 

Guia completo para tratamento com aparelho ortodôntico de sistema autoligado. 

Torne-se um profissional credenciado

Se você quer deixar de usar a disjunção palatina nos seus pacientes e proporcionar mais conforto, precisa usar o que há de mais moderno no tratamento dentário. Com o New Evolution, você conseguirá resultados incríveis. Veja alguns antes e depois e se surpreenda.

Se você gostou do produto e quer começar a aplicar as vantagens do aparelho autoligado no seu consultório, entre em contato agora!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *